Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erre Grande

Diário motivacional de quem sabe o que quer: viver, aprender e crescer profissional e pessoalmente.

Erre Grande

Diário motivacional de quem sabe o que quer: viver, aprender e crescer profissional e pessoalmente.

Quatro Formas de divulgar o seu blogue

Ter um blogue não é só escrever o que se pensa e está bom. Para quem realmente quer ter um blogue a sério, tem de pensar no conteúdo, nos temas, na escrita. E também terá de pensar em como pode fazer chegar a sua mensagem ao maior número de pessoas.

Esta conversa pode parecer um pouco narcisista mas o mundo dos blogues é um pouco assim: podemos escrever para os nossos amigos e família ou só para nós. E também podemos escrever para um público mais largo e até ter uma carreira focada neste meio: e se esse é o objectivo então temos de divulgar.

E aí surgem as perguntas importantes: como chego ao maior número pessoas? Como posso ter mais visitantes? Como posso ter mais pessoas a visitarem-me e a comentar?

 

Um blogue é uma plataforma onde se pode partilhar ideias, pensamentos, produtos, serviços e a sua divulgação é importante, nem que seja para mostrar ao mundo que estamos aqui e que ele também pode ter ideias semelhantes às nossas.

Com o crescimento brutal das redes sociais e da importância da publicidade na Internet, que ferramentas posso usar para divulgar o meu blogue?

 

- A plataforma de alojamento importa

Quando quis criar o meu primeiro blogue em português a sério, escolhi utilizar o Sapo Blogs. Primeiro, vi que uma boa parte das bloggers mais conhecidas a nível nacional utilizavam esta plataforma e porque vi que se dava primazia por conteúdos em português e de ideias originais de escrita, e não meramente fotografias ou músicas partilhadas. Para podermos ter uma boa divulgação, temos de pensar no nosso público e temos de perceber se ele está em Portugal, no Blogger, no Wordpress ou noutra plataforma. O primeiro objectivo será ter um blogue que seja visto e por isso temos de escolher a melhor plataforma para tal efeito.

 

- As redes sociais são indispensáveis

Partilhar o blogue com amigos e familiares nas redes sociais parece ser fácil mas se quer ter um ar mais profissional, crie um página no Facebook. O nosso blogue é o nosso trabalho mas náo é a totalidade da nossa identidade, pelo que temos de o separar da nossa "identidade virtual". Além disso, podemos seguir blogues ou outros websites com interesses comuns ao nosso blogue e assim criar mais visibilidade. O LinkedIn pode ser um ponto a favor para quem escreve sobre negócios e o Medium é ideal para escrita criativa ou em inglês. Quantas mais plataformas utilizarmos, mais alcance teremos, desde que escolhamos os sítios certos a publicar consoante o público que queremos atingir.

 

- O email não é coisa do passado

A nova funcionalidade do Sapo Blogs permite que os seus leitores possam receber todos os artigos da semana na sua caixa de email. É fácil esquecermo-nos um dia ou outro de verificar os nossos blogues preferidos mas alguém se esquece de ver o email mais do que uma vez por dia? O email é mais uma forma rápida e prática de chegarmos às pessoas que podem não conseguir aceder às redes sociais mas que têm ligação à internet. Além disso, termos o endereço de email de um leitor mostra-nos o seu interesse directo em ler aquilo que publicamos e melhor que o alcance só mesmo o engajamento do público.

 

- Estar presente em directórios

E se existisse uma plataforma que agregasse todos os blogues do mundo para que pudesses ler tudo aquilo de que gostamos em apenas um clique? O Bloglovin nasceu para ser o Facebook dos blogues, uma plataforma agregadora de blogues onde podemos ver todas as actualizações no nosso feed personalizado. Funciona bastante bem para blogues de moda e para imagem pois a leitura pode ser feita em simples scrolldowns. Mais uma vez, ter mais do que uma plataforma para divulgar o nosso blogue é essencial, ainda mais quando essa plataforma é dedicada a 100% a esse conteúdo.

 

Resumindo, para divulgar um blogue de forma eficaz temos de saber quem é o nosso público, onde é que ele anda e utilizar o máximo de ferramentas disponíves, pois é  com uma estratégia com muita acção que os resultados aparecem!